12.1.09

irritante, irritável, irritada

para mim, há sempre um ou dois dias por mês assim.
culpem-me, culpem as hormonas (o ciclo menstrual da mulher tem muito que se lhe diga; temos de passar por diferentes fases por mês, em jeito de pagamento por querermos - ou não - ter filhos. que lamentável), enfim... sinto-me mal só pelo facto de atribuírem a culpa a algo.
detesto clichés, mas cá vai.
a inspiração não está do meu lado hoje, portanto...

"(...)Bound with all the weight of all the words he tried to say
Chained to all the places that he never wished to stay
Bound with all the weight of all the words he tried to say
and as faced the sun he cast no shadow
As they took his soul they stole his pride(...)"

estou vazia por dentro e sinto-me a sufocar com tanto barulho.

2 comentários:

Rita Cogumelo disse...

A vida é feita de dias... uns que correm melhor, outros pior; uns que voam outros que demoram anos...
Nem sempre é fácil manter o mesmo estado de espiríto, calmo, tranquilo como se tudo corresse as mil maravilhas e como se não tivessemos problema nenhum...

Nem sempre é fácil, mas lembra-te que não é tão dificil quando tens outros a puxarem-te para cima quando insistes em olhar para baixo

dn disse...

(...) It is you the who.