8.1.10

dicas sobre quem?

sei balbuciar bastante, característica que noto com mais frequência nas diversas relações interpessoais que inicio.

também sou portadora de uma rara anomalia que é respirar com frequência a comida quando não me sinto à vontade no meio em que me encontro. normalmente são grãos de arroz que me provocam lágrimas nos olhos e tosse, pode até ser sumo ou um pedaço de hamburguer.
pelos vistos, pareço o zé de vestido, quando danço em estado de euforia. ou um macaco. ou ambos.
às vezes rio-me tempo demais para o que seria de esperar e por isso é que os meus amigos pensam duas vezes antes de me convidarem para almoçar.
também gosto de ser anti-coisas, mas sou-o mais em grupo. tirar fotografias dentro de um cubiculo designado para esse efeito com uma máquina fotográfica, passar meia hora numa loja de renome escolhendo os piores conjuntos de toilette, dirigir-me à porta de saída da papelaria o mais lentamete possível, com o intuito de ser a última a chegar à meta (e, quem sabe, ganhar um prémio por isso), pedir sempre a time out no dia antes de ela sair, ir em hora de ponta dançar para o pé dos altifalantes das lojas, subir as escadas rolantes que servem para descer, entrar no metro e sentar-me no chão e ir a uma loja de tatuagens para acompanhar a amiga que, não querendo uma tatuagem, vai pedir o panfleto e o preçário, andar à chuva e coisas dessas, como escrever um texto sem qualquer tipo de fio condutor.
bom fim-de-semana.

4 comentários:

Rita disse...

o quê? não percebi nada

quem? disse...

nem eu!

me, myself and I disse...

;)

Cara C.,

Já vi livros bem mais confusos!!!
Mas a ideia passou para o lado de cá...

boa semana

mitão disse...

epa oh catarina mas isto é q estilo literario? pseudo pós-contemporaneo?
vim eu aqui perder tempo a ler esta bagunça enquanto poderia estar a passear nestas belas ruelas florentinas!!!

canalha!

um bacio (;